APRENDA AQUI 8 SIMPLES EXERCÍCIOS SEM EQUIPAMENTO QUE VALEM POR 40 E LEVAM APENAS 8 MINUTOS DEIXE SEU CORE ULTRAPREPARADO

Tempo de leitura: menos de 1 minuto

9 Flares Filament.io 9 Flares ×

INICIE AGORA MESMO CLIQUE QUERO TREINAR COM A EQUIPE

 

Músculos estabilizadores do CORE
Músculos estabilizadores do CORE

Escrevi outro dia o artigo 3 Pilares desconhecidos por corredores que podem alavancar sua performance na corrida de rua ou de trilha (vale a leitura) e nesse artigo desenvolvi o raciocínio sobre diversos aspectos ligados à corrida, e um dos pilares que falei foi justamente o CORE (núcleo em inglês) Mas esse pilar especificamente serve para todos os esportes ou praticas físicas imagináveis abaixo segue o trecho sobre o CORE e logo depois APRENDA AQUI 8 SIMPLES EXERCÍCIOS QUE VALEM POR 40 E LEVAM APENAS 8 MINUTOS DEIXE SEU CORE ULTRAPREPARADO

“Muitas vezes ao passar por alguns locais como parques e praias ou até mesmo em academias e clubes você já deve ter visto um monte de cones, barreiras,  e uma diversidade de materiais coloridos espalhados pela areia ou gramado e outro tanto de gente pulando, rolando, se exercitando utilizando esses materiais!
O que acontece quando você utiliza desses materiais/equipamentos com um planejamento convergindo com seu treinamento, são os muitos benefícios conquistados como agilidade, prevenção de lesões, coordenação motora global e fina, e conscientização postural, porém,  se todos eles não estiverem integrados haverá uma compensação por parte deles, é como se você fosse voar num jato de 4 motores onde, apenas um motor está funcionando!

A principal peça de cada um desses nossos motores é o CORE, ou seja um núcleo de força e equilíbrio que é integrado por o 29 músculos e muitas vezes é confundido com os músculos abdominais, a importância do núcleo ou CORE é tão grande e ainda não tem a devida atenção tanto por profissionais quanto atletas!

Para se ter uma idéia, todos os movimentos partem do CORE ou núcleo, sejam saltos, chutes, arrancadas, lançamentos, pernadas, braçadas, rolamentos, ou qualquer tipo de movimento em qualquer modalidade esportiva.

Desde uma pelada de final de semana, até mesmo um atleta de alta performance de Judô, dependem de um núcleo bem trabalhado, bem desenvolvido para evitar lesões e se tornar um atleta eficiente!

Você pode ser um surfista recreativo, um corredor experiente com muitas maratonas no currículo ou um triatleta de nível olímpico sem nunca ter se lesionado, acredite, se começar a investir tempo em seu CORE ficará muito melhor no que você faz e sofrerá muito menos!

Um exemplo claro de corredores que acham que não precisam do CORE é o cara que vai fazer uma meia maratona e ou até alguma distância menor e termina a prova com abdome dolorido, e o cara ainda se pergunta assim “como posso ter ficado com o abdome dolorido se não fiz abdominais? Apenas corri”.

Compensação por ter um CORE não desenvolvido!
Use energia onde precisa ou seja corredores, nas pernas!”

Abaixo seguem 8 exercícios sem necessidade de equipamentos que substituem cerca de 40 exercícios, esses exercícios podem ser realizados de forma mais prolongada, porém gravei apenas trechos pequenos para facilitar a visualização de como executar.

Desejo um bom aprendizado e prática dos exercícios abaixo! Se gostou compartilhe no inicio ou final da página, clique em curtir e indique para seus amigos!

CORE Exercício #1 MEIO SUGADO VISTO DE FRENTE

CORE Exercício #1 MEIO SUGADO VISTO DE LADO

CORE Exercício #2 FINALIZAÇÃO TRÍCEPS LATERAL

CORE Exercício #3 AVANÇO OU AFUNDO INVERTIDO VISTA DE FRENTE E LATERAL

CORE Exercício #4 PLIOMETRIA COM AGACHAMENTO VISTA DE FRENTE E LADO

 

CORE Exercício #5 PRANCHA FLEXÃO COTOVELO E ISOMETRIA ALTERNÂNCIA DE PERNAS VISTA DE FRENTE

CORE Exercício #6 PRANCHA FLEXAO COTOVELO E ISOMETRIA ALTERNANCIA DE PERNAS FRENTE

CORE Exercício #7 PRANCHA FLEXÃO COTOVELO E ISOMETRIA ALTERNÂNCIA DE PERNAS VISTA DE LADO

CORE Exercício #8 PRANCHA FLEXÃO COTOVELO E ISOMETRIA ALTERNÂNCIA DE PERNAS E ISOMETRIA ABDOME E MEMBROS SUPERIORES VISTA DE LADO

Desejo um bom aprendizado e prática dos exercícios abaixo! Se gostou compartilhe no inicio ou final da página, clique em curtir e indique para seus amigos!

Espero ter ajudado com essas dicas! Comente, somente assim saberei se está gostando do conteúdo e saberei das suas dúvidas também e poderei criar mais material relevante.

Saudações!
Mario Jorge Hilarino – Facebook | Linkedin | Portal Administradores
Coach
Técnico de Triathlon CBTri
Fundador e Treinador da OTREINO Assessoria Esportiva
Treinador Campeão estadual por Equipes de Triathlon no RJ 2013 e Vice Campeão 2014
Treinador Equipe 3ª colocada nas Maratonas Aquáticas da Federação Aquática RJ
Treinador Equipe Top 10 no FTERJ e FARJ desde sua primeira participação Fundador do www.supremocoaching.com.br

INICIE AGORA MESMO CLIQUE QUERO TREINAR COM A EQUIPE

Comente abaixo, compartilhe sua opinião conosco!

Comentários

3 Comentários



  1. Bom dia professor Mario Jorge , tenho algumas dúvidas , para o treino de fortalecimento do CORE,quantas vezes por semana devo realizar o treinamento e para cada série quantas repetições , é muito importante suas colocações porque , eu fico indignado quando voce chega em um lugar (academia )para treinar e simplismente colocam no quadro , faça tantos disso , tantos daquilo e o treinador ou instrutor some para conversar , fica brincando , e nem ai para o aluno , ou cliente . digo isso porque estou a um mês em uma academia, e no começo são muitas promessas e no fim é tudo igual , já meti bronca e vamos ver se muda .Se não mudar mudo eu de lugar , pena que voces não tem uma filial aqui no sul , bom dia e obrigado mais uma vez .

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *